O poder do microlearning na educação corporativa

Abordagem baseada em pílulas de conhecimento é mais envolvente e ajuda os colaboradores na retenção do aprendizado

Quanto mais a tecnologia evolui, mais ocupadas e apressadas as pessoas parecem estar. O sociólogo alemão Harmut Rosa chamou esse fenômeno de “aceleração social”, tentando explicar o paradoxo entre as evoluções tecnológicas e a falta de tempo da vida moderna. Teorias à parte, é difícil (se não impossível) lutar contra a correria do dia a dia e a escassez de momentos livres que ela proporciona. Transpondo para o mundo corporativo e, mais especificamente, para a educação empresarial, a saída é buscar potencializar as horas ou os minutos que restam em favor do aprendizado.

Está começando a se inteirar sobre educação corporativa on-line? Nosso e-book pode te ajudar nos primeiros passos.

As empresas antenadas às inovações da pedagogia empresarial e às técnicas que otimizam a aprendizagem on-line – como as plataformas LMS, o uso da gamificação, o mobile learning e as videoaulas, citando apenas algumas delas – já descobriram o poder do microlearning no treinamento corporativo.

O que ele significa? Em poucas palavras, pequenas doses de aprendizado cotidianas, diretas ao ponto, entre uma tarefa e outra, utilizando o acesso na palma da mão que os smartphones e os dispositivos móveis proporcionam.

Trata-se de uma nova forma de aprender que está totalmente articulada com a fluidez de tempo atual, distribuindo conhecimento em pílulas ou pequenas doses diárias e de uso imediato, conforme explica o diretor de tecnologia da Viddia, Ricardo Drummond.

Como funciona o microlearning na educação corporativa

A metodologia consiste em subdividir o conteúdo a ser estudado em pequenos blocos e disponibilizá-los por meio de vídeos, áudios, imagens, jogos, testes, frases e textos que possam ser acessados a qualquer momento e de qualquer lugar.

A chave do microlearning é que o conteúdo seja breve. “Ampliando a liberdade dos colaboradores para receber o treinamento é possível atualizar de forma mais ágil as informações que precisam ser reforçadas”, afirma Ricardo Drummond. “A aprendizagem torna-se interessante e flexível”, completa a professora da Fundação Dom Cabral (FDC), Fabiana Bigão.

Assim, o trabalhador pode aproveitar o período gasto até chegar à empresa ou ao voltar para casa para ouvir um podcast sobre determinado conteúdo, por exemplo.

Pode ainda assistir a um vídeo ou responder a um quizz enquanto aguarda atendimento em uma fila de banco, de uma repartição pública ou mesmo da bilheteria do cinema.

Ou, por fim, trocar as correntes de whatsapp que porventura tenha o hábito de receber e disseminar por mensagens e frases instrutivas vindas da organização em que trabalha.

Microlearnig X E-leaning comum: diferenciais

A ferramenta tem muitas vantagens em relação ao e-learning tradicional. Em primeiro lugar, o microlearning é uma metodologia mais envolvente e, por isso mesmo, mais eficaz em engajar o colaborador. Mas há várias outras características que o tornam uma abordagem diferenciada:

  1. Rapidez da entrega: como os conteúdos de microlearning são curtos – uma pílula dura entre 3 e 5 minutos –, ele permite que a empresa responda de forma mais rápida a mudanças de metas e novas demandas de treinamento.
  2. Custo baixo: um curso de microlearnig requer menos recursos e menos instrutores, sendo, por isso, muito mais barato de se produzir.
  3. Flexibilidade: as pílulas de conteúdo podem abranger qualquer assunto, desde que de forma compactada.
  4. Alto poder de retenção: o microlearning permite ao aluno rever o conteúdo várias vezes, se desejar, o que facilita a apreensão do conhecimento.
  5. Liberdade de tempo e lugar: o aprendizado pode ser desfrutado em hora e local determinados pelo usuário, de acordo com suas escolhas e possibilidades.

Dicas para ter sucesso no treinamento empresarial com microlearning

Dá para aproveitar ainda mais o potencial do microlearning se a educação corporativa estiver atenta a certas peculiaridades da metodologia. Por exemplo:

  1. Aplicar o microlearning em momentos de necessidade: a ferramenta funciona melhor quando é utilizada para transmitir um conhecimento específico que servirá para aprimorar uma habilidade a ser usada de imediato.
  2. Arquitetar o treinamento para proporcionar mudanças de comportamento: o grande objetivo deve ser transformar o que as pessoas fazem e não o que elas sabem.
  3. Adicionar microinterações: pequenas ações como curtir um conteúdo ou receber uma estrela por uma atividade podem ajudar os alunos a se concentrarem ainda mais no treinamento.
  4. Sugerir ao aluno praticar o que aprendeu: terminar um módulo chamando para a ação é uma forma de envolver o participante no aprendizado.
  5. Ativar a gamificação: essa estratégia poderosa de engajamento nas plataformas LMS pode ser ainda mais atrativa e envolvente quando aplicada em uma experiência de microlearning por dispositivos móveis.
  6. Usar microavaliações: aplicar minitestes é uma boa maneira de mensurar os resultados do aprendizado dos colaboradores.

Limitações do microlearning

Mesmo com tantos benefícios, é bom lembrar que a metodologia não consegue resolver todas as situações de aprendizagem demandadas pela educação empresarial. Para aplicá-la com eficiência, um primeiro passo é analisar se o tipo de conteúdo que será trabalhado pode ser adaptado para formatos compactos. O microlearning não é ideal para abordar conceitos muito complexos, por exemplo. Também não é indicado para tratar de temas que exijam estudo aprofundado. Para isso, outras abordagens são mais eficientes. Sendo assim, é sempre bom verificar as circunstâncias antes de optar pelo microlearning em um treinamento corporativo.

Outra observação importante é que a ferramenta funciona melhor quando está inserida em um amplo programa de pedagogia empresarial. Muitas vezes as pílulas de conhecimento atuam como um chamariz para atrair a atenção dos colaboradores para determinado assunto que, por sua vez, poderá ser abordado de forma mais ampla por meio de outros recursos.

Acompanhe-nos nas redes sociais

Siga-nos no YoutubeFacebookTwitterLinkedIn e Instagram, estamos sempre disponibilizando conteúdo gratuito de qualidade!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *